ArabicChinese (Simplified)EnglishFrenchGermanItalianJapaneseKoreanPortugueseRussianSpanishSwedish

Após seis jogos em 2015, Lucas Ramon volta à Série A, agora pelo Coritiba: “Mais preparado”

Depois de fazer seis jogos pelo Grêmio em 2015, lateral-direito Lucas Ramon tem mais uma chance na Série A, mas encara a concorrência da joia Yan Couto. “Quero aprender e jogar”, diz

O lateral-direito Lucas Ramon, um dos oito reforços do Coritiba para 2020, terá a segunda oportunidade em um clube da Série A do Brasileirão. Depois de fazer apenas seis jogos pelo Grêmio em 2015, Lucas Ramon avalia estar “mais confiante e mais preparado” para o novo desafio na carreira.

– Tive o privilégio de estar jogando no Grêmio, fiz seis partidas. Foi uma experiência única, aprendi bastante. Retornar à Série A em uma grande equipe é muito importante. Venho mais confiante, venho mais preparado e quero aproveitar da melhor forma possível e sempre estar evoluindo – falou o jogadorem entrevista coletiva nesta sexta-feira.

Revelado pelo Londrina, Lucas Ramon, de 25 anos, tem passagem por Grêmio (2015), Santa Cruz (2016), Londrina (de 2016 a 2018), Novorizontino (2019) e Bragantino (2019).

Lucas Ramon é apresentado pelo Coritiba – Foto: Fernando Freire

Lucas Ramon é um dos oito reforços do Coritiba para 2020. César, Caetano, Rhodolfo, Rodolfo, Nathan Silva, Renê Júnior e Gabriel são as outras caras novas – confira os detalhes abaixo.

O novo lateral-direito do Coritiba terá a concorrência de uma joia alviverde. Lucas Ramon disputará posição com Yan Couto, titular da seleção brasileira sub-17 na conquista do Mundial da categoria.

– Tive um episódio que foi parecido com o Yan. Eu era o mais novo na equipe e sempre procurei aprender com os mais velhos e também com os mais novos. Aqui não vai ser diferente. Quero aprender com ele e quero ajudar. A gente vai treinando, vai desafiando um ao outro, e quem o professor identificar que estiver melhor vai jogar – completou.

A estreia do Coritiba será contra o FC Cascavel, no dia 19, em casa. O clube vai usar um time alternativo no início para que os titulares possam fazer uma pré-temporada mais longa. O time A estreia só na Copa do Brasil, contra o Manaus, em fevereiro.

Fonte: Globoesporte.com